quinta-feira, 09 de julho, 2020

Mercado de duas rodas apresenta retomada gradual na produção e nas vendas

A indústria brasileira de duas rodas vem se recuperando da paralisação imposta pela pandemia do novo Coronavírus. O setor registrou a produção de 78.130 unidades em junho no Polo Industrial de Manaus (PIM). Este volume, segundo a Abraciclo – associação que reúne os fabricantes – representa uma alta de 427,6% em relação a maio do presente ano (14.809 unidades), mês em que as montadoras retomaram a produção de forma gradual.
Na comparação com junho do ano passado (68.121 unidades), houve uma alta de 14,7%. Esse crescimento, no entanto, está relacionado ao período de férias parciais registrado no ano passado em algumas fábricas de motocicletas do PIM. Já no primeiro semestre de 2020 foram fabricadas 392.217 motocicletas, correspondendo a uma redução de 27% na comparação com o mesmo período de 2019 (537.105 unidades).
Vendas no atacado – Em junho, as fábricas venderam para suas concessionárias 76.189 motos, representando um crescimento de 315,1% no comparativo com maio (18.355 unidades) e elevação de 5,6% ante junho do ano passado (72.121 unidades). Já no acumulado do primeiro semestre, as vendas no atacado somaram 377.119 unidades, significando uma queda de 28,7% na comparação com o mesmo período de 2019 (528.893 unidades).
Desempenho por categoria – Em junho, a motoneta – exemplo: Honda Biz – foi a categoria que registrou maior crescimento em termos de variação percentual. Foram comercializadas 12.714 unidades, volume 9.832,8% superior ao registrado no mês anterior (128 unidades). Na comparação com junho do ano passado (9.426 unidades), houve uma alta de 34,9%.
Em números absolutos, a categoria Street se manteve como a mais comercializada no atacado, em junho, com 41.177 unidades, o que representou um aumento de 442,3% em relação a maio (7.593 unidades) e um crescimento de 11,5% na comparação com junho de 2019 (36.938 unidades).
Emplacamentos – Os emplacamentos registraram alta em junho na comparação com maio do presente ano. Segundo levantamento do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) foram licenciadas 45.855 motocicletas, representando um aumento de 57,1% na comparação com maio (29.192 unidades) e um recuo de 42,7% em relação a junho de 2019 (80.023 unidades).
No acumulado do primeiro semestre do ano, as vendas no varejo somaram 350.141 unidades, representando uma retração de 33,9% na comparação com o mesmo período de 2019 (530.034 unidades).
R7 - 09/07/2020
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2020 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP