segunda-feira, 23 de março, 2020

Marcos Molina quer alcançar 51% da Marfrig e aproveita preço em baixa

O sócio-fundador da Marfrig, Marcos Molina, continua aumentando sua participação na companhia em operações em bolsa de valores e quer chegar a uma fatia de 51%, ante uma fatia que já está em 45% – era 34% no final do ano passado. Para chegar ao seu objetivo, Molina tem feito empréstimos e compras a termo para adquirir o papel. Nesse tipo de transação a pessoa se compromete a comprar determinado ativo por um preço predefinido. Conta. Para evitar ser diluído na oferta subsequente (follow on) da Marfrig em dezembro do ano passado, na operação em que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vendeu sua participação no frigorífico, Molina participou da oferta prioritária, desembolsando quase R$ 400 milhões. Na ocasião, ele comprou a ação a R$ 10, valor que o papel foi precificado na oferta. Hoje a ação vale 30% a menos, dada a aversão ao risco nos mercados. Procurados, Marfrig e o executivo não comentaram.
O Estado de S.Paulo - 22/03/2020
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2020 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP