terça-feira, 18 de fevereiro, 2020

Enel lança plano para atrair consumidores ao mercado livre em São Paulo

O grupo italiano Enel quer avançar no mercado livre de energia elétrica, no qual os consumidores escolhem seu fornecedor de energia. É um segmento que não para de crescer. Após expandir sua atividade em distribuição e se tornar a maior empresa do segmento no Brasil, com a aquisição da Eletropaulo (atual Enel Distribuição São Paulo), o grupo lançou uma estratégia para atender consumidores mesmos que eles possam – e queiram – deixar de ser atendidos pelas distribuidoras. A companhia está lançando em São Paulo o plano Empresa Economia Garantida, voltado a clientes empresariais de todo o Estado que consomem mensalmente entre 500 quilowatts (KW) e 3 megawatts (MW), como shoppings, redes de supermercado e hospitais. Economia. A elétrica oferece contratos de fornecimento de dez anos no mercado livre, prometendo economia de até 15% em relação ao custo atual no mercado regulado. A energia a ser comercializada virá das usinas próprias da Enel, que também opera parques solares e eólicas no País e tem planos para duplicar a capacidade instalada renovável no País até 2022. Participação. Com a estratégia, a Enel pretende aumentar em 20% o número de clientes no mercado livre este ano. Atualmente, a empresa já atende cerca de 12% do mercado livre dentro da área de concessão da Enel Distribuição São Paulo, o que corresponde a aproximadamente 5% do consumo de energia nesta área. O plano ofertado não se restringe a clientes da distribuidora e está disponível para usuários das demais concessionárias do Estado, como CPFL Paulista, CPFL Piratininga, EDP São Paulo e Elektro.
O Estado de S.Paulo - 16/02/2020
Ver esta noticia em: english espanhol
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2020 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP