sexta-feira, 24 de junho, 2022

Entenda por que o mercado de plant-based vai bombar até o final da década

O mercado de alimentos plant-based deverá movimentar US$ 95,52 bilhões ao ano até 2029, com uma taxa de crescimento anual de 12,45% no período, aponta pesquisa da Meticulous Research.
O crescimento será impulsionado por fatores como o aumento da intolerância de consumidores a proteínas animais, a crescente população vegana, e o avanço de investimentos de risco em empresas do ramo. Além disso, aportes crescentes em pesquisa e desenvolvimento e lançamentos de novos produtos em economias emergentes, como Ásia-Pacífico, América Latina e Oriente Médio e África, deverão criar oportunidades lucrativas.
“De acordo com a Academia de Nutrição e Dietética, dietas vegetarianas adequadamente planejadas são saudáveis ​​e nutricionalmente adequadas, pois reduzem o risco de doenças cardíacas isquêmicas, diabetes tipo 2, hipertensão e certos tipos de câncer e obesidade. Assim, o crescimento do veganismo oferece oportunidades significativas para os fabricantes de alimentos à base de plantas”, afirmou a empresa, em comunicado.
Apesar desse cenário, fatores como os preços elevados e a preferência de grande parte dos consumidores por produtos de origem animal devem impedir um crescimento ainda mais notável dos plant-based.
O maior aumento no consumo deverá ser observado em alternativas aos lácteos, devido ao número de pessoas intolerantes à lactose e às preocupações relacionadas ao bem-estar animal. Produtos análogos a pescados também deverão se destacar.
- Principais players
Segundo a pesquisa, os principais players do segmento são: Beyond Meat, Impossible Foods, Amy’s Kitchen, The Hain Celestial Group, Axiom Foods, Lightlife Foods, Atlantic Natural Foods, todas dos EUA. Também aparecem na lista as canadenses Garden Protein International, Earth’s Own Food Company e Daiya Foods. Ainda entre os destaques estão Nutrisoy Pty, Plamil Foods, Marlow Foods, VBIte Food, Unilever, todas do Reino Unido. E outras empresas também foram lembradas, como Sanitarium Health and Wellbeing Company (Austrália), Nestlé (Suíça), Danone SA (França), Taifun –Tofu GmbH (Alemanha) e Sahmyook Foods (Coreia do Sul).
https://www.superhiper.com.br/entenda-por-que-o-mercado-de-plant-based-vai-bombar-ate-o-final-da-decada/ Super Hiper - 23/06/2022
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2022 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP