quinta-feira, 26 de agosto, 2021

Pfizer e BioNTech assinam com Eurofarma para fabricação de vacina contra Covid

A Pfizer e sua parceira alemã BioNTech disseram nesta quinta-feira (26) que assinaram acordo com a farmacêutica brasileira Eurofarma para fabricar a vacina contra Covid-19 que desenvolveram para distribuição na América Latina.
De acordo com o comunicado das empresas, a Eurofarma receberá o produto de instalações nos Estados Unidos e a fabricação das doses acabadas terá início em 2022. Em plena capacidade operacional, a produção deve alcançar os 100 milhões de doses já em 2022 e todas serão distribuídas exclusivamente na América Latina.
Vale lembrar que esta será a terceira parceria do Brasil para a produção de vacinas. Outras duas já estão fechadas com o Instituto Butantan e o laboratório chinês Sinovac e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e a farmacêutica AstraZeneca – ambas já em distribuição de doses para o Plano Nacional de Imunização (PNI).
Ainda, a vacina da Pfizer foi a primeira a obter registro definitivo no Brasil e já foi aplicada em 17,5% da população, cerca de 30 milhões de pessoas, segundo informações do Localiza-SUS. Assim, o imunizante já pode ser distribuído pelo SUS, inclusive.
O Ministério da Saúde conta com as doses da Pfizer para fazer a aplicação das doses de reforços em idosos e imunossuprimidos a partir de 15 de setembro e para aplicar doses anuais, se assim for necessário .As atividades de transferência de tecnologia para a Eurofarma, além de desenvolvimento no local e instalação de equipamentos começarão imediatamente.
“Nossa nova colaboração com a Eurofarma expande nossa rede global de cadeia de suprimentos – nos ajudando a continuar fornecendo acesso justo e equitativo à nossa vacina. Continuaremos a explorar e buscar oportunidades como esta para ajudar a garantir que as vacinas estejam disponíveis para todos os que precisam”, disse Albert Bourla, presidente e CEO da Pfizer.
Maurizio Billi, Presidente da Eurofarma, afirmou que a empresa está disponibilizando os melhores recursos em capacidade industrial, tecnologia e qualidade para este projeto, a fim de “cumprir o contrato com excelência e contribuir com o abastecimento do mercado latino-americano”.
Até o momento, a Pfizer e a BioNTech enviaram mais de 1,3 bilhão de doses para mais de 120 países e territórios em todas as regiões do mundo. O objetivo é fornecer 2 bilhões de doses para países de baixa e média renda em 2021 e 2022 – 1 bilhão a cada ano.
InfoMoney - 26/08/2021
Outras noticias
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2022 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 3º andar 01452-001 São Paulo/SP