Thursday, March 24, 2022

Indústria de latas de alumínio cresce pelo quinto ano consecutivo e fatura 18bi

Mesmo com o segundo ano de pandemia de Covid-19, o desempenho das latinhas de alumínio para bebidas no Brasil cresceu 5,2% na comparação com o ano anterior, registrando um faturamento de 18,3 bilhões de reais, com 33,4 bilhões de unidades consumidas no período.
“Tivemos um ano de crescimento no mercado de cervejas e nas plataformas de delivery, justamente o produto e o canal de vendas em que a lata se destaca pela segurança, praticidade e conveniência,” explica o presidente executivo da Abralatas, Cátilo Cândido.
Com o crescimento no consumo, o setor atrai, cada vez mais, diferentes tipos de bebidas. Hoje, no Brasil, existem mais de 20 diferentes tipos de bebidas vendidas nas latinhas. Além de cervejas, refrigerantes, energéticos e sucos, que já têm seu mercado consolidado, observa-se o aumento da cachaça em lata, a chegada do vinho, da água, do suplemento, do café e dos RTDs – ready to drink.
“O brasileiro gosta da latinha e tem suas preferências, quer cada vez mais variedade de bebidas, rótulos, tamanhos e formatos. Um exemplo disso é o crescimento das latinhas mais finas, sleeks e slims, que acompanhou muito bem o bom desempenho que o mercado das cervejas premium vem performando no Brasil”, explica o presidente da Abralatas.
Esta preferência vem acompanhado de pesados investimentos. Nos últimos três anos, foram inauguradas 5 novas fábricas. Para este ano e 2023, são esperadas mais 4 novas plantas no Brasil, além de expansões em quase metade das fábricas já existentes com novas linhas de produção. O total de investimentos deve chegar a 1 bilhão de dólares até o próximo ano.
https://embalagemmarca.com.br/2022/03/industria-de-latas-de-aluminio-cresce-pelo-quinto-ano-consecutivo-e-fatura-18bi/ EmbalagemMarca - 24/03/2022
Related products
Other news
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2022 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 third floor 01452-001 São Paulo/SP