Wednesday, August 18, 2021

Mercedes-Benz vende fábrica em Iracemápolis para Great Wall

Os rumores acabaram confirmados e a Mercedes-Benz anuncia que vendeu sua fábrica de automóveis em Iracemápolis (SP) para a chinesa Great Wall Motors – mesmo que a marca oriental tenha negado a história. O valor pago não foi revelado e a fabricante alemã diz apenas que o negócio inclui não só terreno e prédios, como também o equipamento usado na produção. A fábrica de caminhões e ônibus em São Bernardo do Campo (SP) segue produzindo normalmente.
Sem produzir desde dezembro, quando a Mercedes-Benz decidiu encerrar a operação, a fábrica em Iracemápolis foi inaugurada em 2016 após um investimento de R$ 600 milhões e produziu GLA e Classe C em baixo volume. Desde julho circulam rumores de que a Great Wall teria comprado a fábrica, inclusive a fabricante teria comunicado esta aquisição em um comunicado interno na China. A negociação não inclui a pista de testes e o campo de provas.
“Com a transformação da Companhia e o realinhamento da capacidade produtiva da nossa rede global de produção, estamos aumentando de forma sustentável a nossa eficiência produtiva. Com a Great Wall Motors, encontramos um comprador que dará à fábrica de Iracemápolis e região uma nova perspectiva para o futuro”, explica Jörg Burzer, membro do conselho de administração da Mercedes.
O interesse da Great Wall no Brasil já tem uma década, quando a marca até anunciou que teria uma fábrica brasileira, em parceria com o Grupo Caoa. Nunca foi para frente, com o início da crise econômica e o início do “Super IPI” elevando drasticamente as taxas sobre os carros importados. Desta vez, a estratégia é vir por conta própria ao invés de procurar um parceiro local, seguindo um caminho diferente do que aconteceu com a Chery ao vender a operação nacional para a Caoa.
Ainda não está claro quais serão os carros produzidos por aqui. Especula-se que a Great Wall apostará primeiro na picape média Poer e em dois SUVs – um deles seria o Haval H6, oferecido também na Argentina e Uruguai. Fala-se também sobre o Haval Jolion, outro modelo de porte médio. Inicialmente, todos viriam importados a partir de 2022 enquanto a fabricante prepara a fábrica para montar os modelos depois de 2024.
motor1 - 18/08/2021
Other news
DATAMARK LTDA. © Copyright 1998-2022 ®All rights reserved.Av. Brig. Faria Lima,1993 third floor 01452-001 São Paulo/SP